×
História

Conheça a história do município


Boa Vista do Incra - Terra da Prosperidade 
A origem do nome Boa Vista do Incra, remonta uma época muito distante. Por volta de 1839, a área de Boa Vista do Incra foi possuída pelo coronel José Lopes da Silva. Foi ele quem denominou essa localidade de Fazenda Boa Vista.

Foi dividida várias vezes, e em 1969 a Fazenda Boa Vista foi adquirida pelo IBRA, para reassentamento de parte das famílias que tiveram suas propriedades atingidas pela construção da Barragem do Passo Real, eram na grande maioria pequenos agricultores oriundos dos municípios de Espumoso, Cruz Alta, Ibirubá e Selbach, situados às margens dos Rios Jacuí, Jacuí Mirim e Ingaí. Esta área alagada compreendia uma das mais progressistas do Alto Jacuí.

Como o reassentamento as famílias que se instalaram nas novas terras, estavam cheias  de esperanças e juntos reconstruíram suas vidas. Com muita luta e trabalho, venceram as dificuldade, assim conseguiram estruturar suas moradas, cultivar suas terras o que estimulou  em poucos anos, a produção de grãos, leite, suínos, entre outros.

A partir de 1979 foi designada uma comissão com a finalidade de receber do INCRA, as áreas de reserva e as áreas destinadas a urbanização, escolas e encaminhamento para apreciação e devido uso das áreas. A partir deste ato realizou-se a urbanização da Vila Boa Vista. Com isto, na emancipação, a localidade foi chamada Boa Vista do Incra.

Em 07 de abril de 1987, através da Lei Municipal n° 0402/87, Boa Vista do Incra passa a ser Distrito de Cruz Alta, sendo nomeado um sub-prefeito responsável em promover o desenvolvimento comunitário.

Com passar do tempo começou a crescer junto a comunidade a ideia de emancipação que obteve o apoio das localidades de Três Capões, Corticeira, Capão Grande, parte do Distrito de Benjamin Nott e parte do Município de Fortaleza dos Valos.

Os ideais emancipacionistas cresceram, Boa Vista do Incra passou a mobilizar-se no ano de 1992, e lutou unida em busca de sua independência que seria sua emancipação política-administrativa. Em 24 de março de 1996 foi realizado plebiscito, sendo que 97% da população optou pela emancipação.

Em 16 de abril de 1996, o município de Boa Vista do Incra foi criado pela Lei nº 10.740. Porém nesse ano, por questão de prazos legais, não pôde realizar as eleições. Esgotados os prazos legais para participar das eleições no ano de 1996, Boa Vista do Incra ficou impossibilitada de implantar sua estrutura político-administrativa, permanecendo em período de vacância subordinada ao município de Cruz Alta até as eleições municipais  de 2000.

No ano de 2000, foram realizadas eleições municipais no Brasil, ocasião em que os eleitores de Boa Vista do Incra elegeram pela primeira vez o prefeito, vice-prefeito e vereadores. O município foi oficialmente instalado no dia 1º de janeiro de 2001.
A partir da primeira gestão até os dias atuais Boa Vista Do Incra encontra-se em pleno desenvolvimento mostrando o seu potencial na produção agrícola, que tem despontado o empreendedorismo rural inclusive no âmbito da agricultura familiar.

Conforme o último  Censo Demográfico (2010), o município possui 2.447 habitantes e localiza-se na mesoregião noroeste do Estado, há 385km de Porto Alegre.
 
A Terra da Prosperidade encanta seus visitantes pelas suas belezas naturais e pela hospitalidade e simplicidade do seu povo. A mistura étnica de seus moradores faz com que  o município ofereça uma gastronomia diferenciada e promova muitos festejos como o Carnaval de Rua, a tradicional Festa do Colono e Motorista e a Mateada Campeira.

© Copyright 2021 - Todos os direitos reservados à Prefeitura de Boa Vista do Incra/RS